fbpx
Avançar para o conteúdo

Poupar para Viajar: um bom planeamento pode ajudar-te!

Costumas poupar para viajar?

Eu costumo e confesso-te que uma das coisas com a qual não me importo de gastar o meu dinheiro é com viagens.  

Viagens é mesmo uma das melhores coisas que o dinheiro pode comprar.

Concordas comigo ou nem por isso?

Se concordas, o artigo de hoje é para ti porque te vou dar um conjunto de dicas que te vão ajudar a planear e a poupar para viajar e a tornar as tuas viagens mais económicas.

Sim, porque com planeamento e organização consegues poupar para viajar.

Claro que tens de ser realista e alinhar as tuas expectativas à tua realidade.

Se calhar não podes viajar tantas vezes quanto gostarias, mas se te organizares e poupares para isso, consegues fazer uma BOA viagem de vez em quando.

Continua a ler porque te vou mostrar os benefícios que um bom planeamento pode ter na tua viagem e no dinheiro que te pode ajudar a poupar, e ainda dicas que te vão ajudar a poupar para viajar.

poupar para viajar
PLANEIA O DESTINO E A ALTURA DO ANO

A primeira etapa no planeamento de uma viagem é escolher o destino, verdade?

E nesta etapa, há algumas coisas que deves considerar:

– Já tens um destino escolhido independentemente de quanto possa custar, ou vais escolher o destino com base nos dias e no dinheiro que tens disponível para viajar?

– Que tipo de viagem vais fazer? Mochila às costas ou resort com tudo incluído?

– Quantos dias vais viajar? Em que altura do ano?

– É uma viagem mais longa, possivelmente para fora da Europa ou é uma viagem mais curta e próxima?

Deixa-me dizer-te que a poupança pode começar logo aqui: na escolha do destino e da altura em que vais fazer a tua viagem.

Já sabes que em época alta os preços aumentam (Natal, Verão e Páscoa) por isso se conseguires ser flexível na marcação das tuas férias, opta por viajar em época baixa e poupa logo algum dinheiro só com este gesto.

Tem também atenção às condições meteorológicas do destino para onde queres ir.

Este artigo foi escrito em colaboração com a Diamond Tour & Travel, a agência de viagens de um colega de faculdade, que me alertou para algo que eu desconhecia: as promoções imperdíveis, a preços baixos…em alturas terríveis para viajar.

aqui as melhores alturas para viajar nos destinos em que eles operam como por exemplo Filipinas, Maldivas, Tailândia e Indonésia e faz esta mesma pesquisa para o destino que escolheres, antes de marcares a tua viagem.

Este trabalho de pesquisa de destinos e preços é fundamental e pode ser determinante na escolha do destino final da tua viagem.

Isto porque apesar de quereres muito ir a determinado sítio, percebes que a viagem vai ficar mais cara do que estavas à espera, e resolves adiar por uns tempos.

Também podes chegar à conclusão que se adiares uns meses, para uma altura do ano não tão concorrida, o preço da viagem te fica bastante mais em conta.

Para além disto, esta pesquisa vai ajudar-te a teres uma visão mais realista de quanto dinheiro precisas para a tua viagem e de quanto tempo vais demorar a conseguir juntar esse dinheiro.

Já para não falar que com este planeamento consegues reservar tudo com mais calma e antecedência e a conseguir preços mais baixos. 

ENCONTRA AS MELHORES OPÇÕES

Depois do destino escolhido e de teres encontrado a melhor altura para viajar, precisas de encontrar a melhor relação qualidade-preço para o tipo de viagem que queres fazer.

Podes fazer esta pesquisa e planeamento sozinho ou recorrer à ajuda de uma agência de viagens que faz grande parte do trabalho por ti.

Já sabes que as agências mais conhecidas têm os pacotes standard, que acabam por limitar um pouco as tuas escolhas, por isso pode ser uma boa ideia procurares agências mais pequenas, como é o caso da Diamond Tours, que tem uma equipa que faz tudo à tua medida, e tem em conta os teus interesses e necessidades.

A agência ser especialista no destino para onde queres ir é uma mais-valia porque conhecem bem o destino e podem apresentar-te as melhores condições de alojamento, passeios, cultura, transporte, etc.

Numa viagem para outro continente faz ainda mais sentido recorrer a ajuda porque é uma viagem muito mais complexa: formulários, vacinas, vistos, escalas, outra moeda, etc.

Se a Ásia está nos teus planos, guarda o contacto da Diamond Tour para uma futura necessidade.

Se optares por fazer as coisas por ti, certifica-te que fazes uma boa pesquisa e comparas a oferta existente para não pagares mais pelos mesmos serviços:

– Escolhe o tipo de alojamento alinhado com o tipo de férias que vais ter. Se passares o dia todo fora, talvez não precises de grandes luxos ou refeições incluídas, mas uma pequena cozinha ou frigorifico poderão ser úteis para preparares snacks para o dia. Analisa as opções existentes e escolhe a que for mais vantajosa para a viagem que vais fazer.  

– Depois de escolheres o tipo de alojamento que pretendes, pesquisa o melhor preço on-line através de plataformas como a Booking, Trivago e Hóteis.com. Pesquisa também diretamente no site do hotel/alojamento para encontrares a melhor tarifa. 

– Faz o mesmo com os Voos: pesquisa os melhores preços on-line e compara sempre com o preço dos próprios sites das companhias aéreas. Na maioria das vezes, os primeiros preços que vês nos agregadores mais conhecidos (eDreams, Momondo, Skyscanner) nem sempre são o preço final que vais pagar, atenção a isso.

– Se fores flexível nas datas de viagem, opta por viajar durante a semana porque os preços dos voos e dos alojamentos são sempre mais baixos.

– Pesquisa packs de passeios / atrações que fiquem mais económicos do que comprar os bilhetes individualmente;

NÃO TE ESQUEÇAS DOS PORMENORES

Os pormenores fazem a diferença e quando planeias viagens com tempo, consegues encontrar as opções mais vantajosas para quase tudo.

Qual é a forma mais económica de te movimentares na cidade? É através do aluguer de um carro, transportes públicos, mota ou a pé?

Pesquisa no teu banco quais as comissões associadas à utilização do cartão fora de Portugal, e se tiver comissões associadas a moey! e a Revolut são boas alternativas.

Este pormenor é ainda mais importante se viajares para fora da Europa e tiveres de utilizar uma moeda que não o Euro.

esta publicação da Diamond Tours para teres ainda mais dicas relacionadas com o uso de dinheiro e de cartões no estrangeiro.

Não te esqueças também de ver quais as condições do teu tarifário em Roaming, para não teres surpresas na altura de pagar a conta, ou ficares sem comunicações.

COMO POUPAR PARA VIAJAR

Com quase todos os dados em tua posse já consegues delinear uma estratégia de poupança para a tua próxima viagem, porque já sabes mais ou menos quanto é que ela te vai custar.  

Poupares com antecedência é importante por vários motivos:

– Evita que te endivides para ires passar férias (big NO)

– Não sobrecarregas de despesas extra o mês em que vais viajar e manténs o teu orçamento mensal equilibrado

– Tens um objetivo de poupança com significado que te pode ajudar a não gastar dinheiro em coisas inúteis.

Em homenagem à Diamond Tours, vamos imaginar que já escolheste o destino da tua próxima viagem: Bali.

Pela publicação deles que eu partilhei acima, percebeste que Março é uma boa altura para ir.

Entraste em contacto com eles, fizeram-te um orçamento GRÁTIS à medida dos teus interesses, necessidades e da tua carteira que ficou em € 1.500,00 por pessoa.

Tens então uma viagem a Bali em Março de 2023 que te vai custar cerca de € 1.500,00.

(não me responsabilizo se este artigo te fizer marcar uma viagem para Bali)

Deves criar uma conta específica para a poupança para a tua viagem, porque é fundamental que separes o dinheiro que é para pagar as tuas despesas daquele que é para viajar.

Teres uma conta em separado também te vai ajudar a conseguires controlar muito melhor como está a correr a evolução da tua poupança.

Podes criar esta conta no teu banco porque quase todos têm soluções de poupança, ou então espreita novamente a moey! que também é EXCELENTE para esse efeito.

A motivação para continuar vai crescendo à medida que vês a tua poupança a crescer e um objetivo tão desejado cada vez mais próximo.

Teres este objetivo definido e em mente, para além de dar um pouco mais de alegria aos teus dias, vai demover-te de gastares dinheiro desnecessariamente no shopping ou em compras on-line, porque será sempre dinheiro que podes optar por poupar para a tua viagem.

Depois de teres a conta poupança criada, tens de a alimentar, verdade?

Se fizeste o trabalho de casa que te expliquei em cima, já sabes aproximadamente quanto dinheiro vais precisar para a tua viagem.

Se já tiveres uma data para a viagem podes dividir o montante de que precisas para viajar pelos meses que faltam para a viagem. O resultado, deverá ser o valor que colocas de parte todos os meses.

Se não tiveres data, mas souberes quanto consegues poupar por mês para viajar, consegues estimar quando terás o dinheiro disponível.

Vamos a um exemplo prático, para tornar as coisas mais simples.

Pegando na viagem a Bali, que queres fazer em Março, e que te custa € 1.500,00:

€ 1.500,00 / 10 = € 150,00

É exequível para ti poupar € 150,00 todos os meses até março ou terás de adiar a viagem por uns meses?

Que gastos podes reduzir para conseguires encaixar este montante no teu orçamento mensal? Talvez as refeições fora, os programas de lazer ou o teu consumo.

Jornada da Poupança

Já sabes que são precisas cedências, alguma disciplina e muito foco no teu objetivo se queres construir uma poupança consistente para as tuas viagens.

Se mesmo assim for um valor que te custa a poupar todos os meses, podes fazer reforços maiores e acelerar o processo com:

– Dinheiro que tenhas parado na conta à ordem, que não te faça falta;

– Subsídios de férias e de Natal;

– Um extra em meses em que faturas mais por seres trabalhador independente;

– Mealheiros em casa;

– Reembolso do IRS;

Renda extra como um part-time ou venda de artigos em 2º mão;

– Bónus do trabalho, prémios, prendas de aniversário, etc.

Não te esqueças que terás sempre de adiantar alguns pagamentos como os voos, transporte ou alojamento, daí ser tão importante ires construindo a tua poupança ao longo dos meses para não sobrecarregares o teu orçamento mensal com despesas das tuas férias.

Espero que este artigo te tenha ajudado a perceber a importância do planeamento para gerir e alinhar expetativas e como podes começar a poupar para viajar.

Podes não viajar tão cedo quanto gostarias, mas se te organizares e definires um plano de poupança consegues viajar sem te endividar e desfrutar sem culpas dos frutos do teu trabalho.

Este artigo vai ter uma segunda parte, com dicas de poupança para usares durante a viagem por isso fica com atenção aos próximos dias.

Se depois deste artigo ficaste com vontade de visitar a Ásia, eu assumo parte da culpa, mas também te recomendo os parceiros ideias para a tua aventura: a Diamond Tours.

Falamos em breve!

Cat